Holger Hahn restaurou o seu 1633 S com dedicação

Veículo clássico

Viagem longa para o clássico da longa distância.

Quando Holger Hahn adquiriu o seu 1633 em segunda mão, já sabia mais ou menos quanto trabalho o esperava. Mas havia duas coisas que ele não podia prever: conheceu o seu primeiro motorista e, por fim, acabou ainda por receber um motor novo a estrear para o seu camião.


A série.

Nos finais dos anos de 1970, a nova série NG é renovada mais uma vez. Irá receber, entre outros, novos motores turbo com e sem intercooler (OM 422 LA e OM 422 A). O novo nome: NG80. Como quarta variante de cabina passa a ser incluída no programa a cabina extragrande, que com o seu teto elevado e cabide para vestuário proporciona um verdadeiro conforto de longa distância. Esta cabina era mais larga que as restantes e não possuía, de série, janelas na parte traseira esquerda do lado do condutor nem na parte traseira da cabina.

O veículo.

Finalmente, Holger Hahn tinha encontrado o sonho de qualquer amante do NG80: um 1633 com cabina extragrande. «Só conheço mais três NG80 com esta variante de cabina», diz Hahn, destacando a raridade do seu veículo trator. Após ter ido buscá-lo, dedicou-se com toda a energia ao restauro, pesquisando ao mesmo tempo de forma detalhada o historial do 1633. «Por uma feliz coincidência consegui entrar em contacto com o seu primeiro motorista, descobrindo assim muita coisa sobre o camião.»



Fotografia: Jan Potente/privado
Vídeo: Jan Potente

24 comentários